sexta-feira, 14 de junho de 2013

The B Team

Tenho visto proliferar um pouco por todo o lado diferentes tipos de organizações cujo propósito é... salvar o mundo. Porém, infelizmente, grande parte delas não apresenta as necessárias características de sustentabilidade para que possam ser levadas a sério. A maioria destas ataca a gula capitalista - a qual é, indiscutivelmente, um elemento comprovadamente nocivo (ou seja, um facto sustentado empírica e cientificamente) para um adequado equilíbrio entre as exigências do presente e as necessidades do futuro - mas não apresenta soluções alternativas credíveis. Desde logo, porque desprezam a própria natureza humana - parecendo até que ainda acreditam naquela "estória" da criação do "homem novo" (o qual nasceria sem as características omnipresentes ao longo dos séculos) -; depois porque, talvez pela razão precedente, dividem os homens em bons e maus e assentam a sua estratégia no combate aos maus (já que eles são, obviamente, "os bons").
A equipa do "Plano B" a que o vídeo seguinte faz referência é constituída por pessoas com provas dadas no mundo real, o qual é um mundo constituído por "bons" e "maus", sendo que uns e outros podem ser os mesmos consoante as circunstâncias. Esta característica, sem garantir necessariamente o sucesso da empresa que estão que a empreender, oferece pelo menos a característica da credibilidade à qual já podemos dar o benefício da dúvida.
Para mudar o mundo pode associar-se a esta iniciativa em http://bteam.org/ (eu já o fiz).
Veja o vídeo (em Inglês)




0 Comentários:

Enviar um comentário

Receba os nossos artigos por e-mail

Related Posts with Thumbnails

Número total de visualizações de página

CQ Counter, eXTReMe Tracking and SiteMeter

eXTReMe Tracker
Site Meter